Você está navegando por: Notícias Piauí
Assine o nosso Feed de Piauí

Casa de show da 'festa da calcinha' está com alvará vencido, diz MP.

Publicada em 28 de Outubro de 2015 às 22h04 Versão para impressão

 O Ministério Público do Piauí abriu um inquérito para investigar uma casa de show na Zona Norte de Teresina, que ofereceu em um anuncio R$ 100 para mulheres que subissem ao palco e tirassem a calcinha. De acordo com a promotora Amparo Paz, do Núcleo de Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (NUPEVID), o estabelecimento está com o alvará de funcionamento vencido desde julho desse ano.

» Siga-nos no Twitter



“Além de ter sido um absurdo a festa que aconteceria na quinta-feira (29), existe outro problema grave. O local está com o alvará de funcionamento vencido e não pode realizar qualquer tipo de evento. Abrimos um inquérito para apurar essa situação e se ocorreu festas durante esse período em quem a documentação estava irregular”, afirmou.

O caso ganhou repercussão depois que uma imagem (ao lado) foi divulgada no perfil da casa de shows no Facebook, mas removida horas depois. O empresário disse ao G1 que o anúncio original foi alterado e negou ter oferecido dinheiro para que mulheres tirassem a calcinha.

Ainda segundo a promotora, o proprietário pode responder pelos crimes de exploração sexual, ato obsceno, pagamento de multa e até mesmo ser preso. “O dono da casa de show pode pegar de dois a cinco anos de prisão caso sejam comprovados os crimes, além do fechamento do local. Isso é uma vergonha para a sociedade e uma desvalorização da mulher, pois esse anúncio trata a imagem do sexo feminino como mercadoria”, disse.
Fonte: globo  |  Edição: Da Redação

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade OZONTEC
Publicidade FSA
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade FIEPI
Publicidade PUBLICIDADE