Deputados discutem tributos do governo durante os pequenos avisos.

Publicada em 05 de Junho de 2018 às 13h29 Versão para impressão

O tempo de dois minutos foi usado por deputados da oposição e da base do governo, nesta terça-feira (05), quando discordaram sobre questões relacionadas aos gastos públicos e impostos, realizados pelo Governo do estado do Piauí.


O deputado Gustavo Neiva (PSB) informou que no dia de ontem, várias manifestações foram registradas no Sul do Estado, nos municípios de Colônia do Gurguéia, Bertolínia e Bom Jesus, com o objetivo de protestar em favor da redução no preço da gasolina. “Essas manifestações vêm colaborar com o discurso que nós estamos tendo, aqui, na Assembleia Legislativa. Vi que o governador é peça fundamental nesse processo, em que nós pagamos a maior carga tributária na gasolina do Brasil”, observou o parlamentar.


O deputado disse também que 30% do preço da gasolina são de impostos do Estado e, portanto, de responsabilidade do governo estadual do estado do Piauí. Carga tributária que segundo ele, que tanto penaliza o povo do Piauí. “Quero me solidarizar com essas cidades do extremo Sul do Piauí, que não aguentam mais pagar uma gasolina tão cara. E a sida que nós temos é a de que o governador do estado do Piauí posa fazer aquilo que os outros já estão fazendo, que é a redução da carga tributária, danosa ao bolso do consumidor do estado do Piauí”, ponderou.


Ele disse ainda que o governador tem totais condições de reduzir a carga tributária, onde uma máquina pesada, onde por exemplo, existem 69 secretarias que não cabem no tamanho do estado do Piauí.


Robert Rios - O deputado Robert Rios (DEM), também comentou sobre o tema abordado pelo deputado Gustavo Neiva e disse fato de o estado ter uma grande carga tributária e com gastos desnecessários. O parlamentar disse que tem andado pelo interior do Estado, onde é abordado o tempo todo, por pessoas que entendem que é preciso que seja feito um esforço, corajoso e patriótico, no sentido de diminuir a carga tributária no Piauí. E que o governador Wellington Dias tem elevado a carga tributária, nesse seu último mandato, a níveis insuportáveis.


Robert citou por exemplo, as despesas com as viagens de aluguéis de jatinhos, com valores que somam cinquenta mil reais, quando em Teresina tem cerca de quatro aviões de carreira por dia. “Sem contar que nos jatinhos têm gelo, whisky, e canapés. Eu cansei e enjoei de viajar nesses jatinhos co o governador, com um bom whisk de doze anos. O deputado que negar isso é tão cretino e mentiroso”, reiterou o parlamentar, acrescentando que é preciso que seja feito um grande movimento, no Piauí, para diminuir a carga tributária.


Flora Izabel – A deputado Flora Izabel (PT) também repercutiu as falas dos deputados e disse que tem visto, na Casa, as falas sobre as despesas com governo do Estado com os aviões e os utensílios dentro das aeronaves. Ela discordou e disse tem viajado muito, com o governador Wellington Dias, par aos municípios de Norte a Sul do Estado e nunca presenciou whisk dentro de avião.


“Isso não é verdadeiro. Quem vai a trabalho, baseado numa situação como essas. Nós temos é que elevar o nível dessa Casa. Quando eu era oposição, eu fazia um bom combate. Um governo que com todas as dificuldades, paga em dia, diferentemente de outros estados, que são muito ricos e que estão parcelando os salários”, disse a parlamentar, acrescentando que o povo do Piauí merece ter suas obras, referindo-se a questão do impasse no empréstimo conseguido pelo governo e tão criticado pela oposição e de acordo com a deputado, tão necessário para a construção de obras no estado do Piauí. Lindalva Miranda    


Francisco Limma - Usando o tempo de dois minutos, o líder do governo na Assembleia, deputado Francisco Lima Lula (PT) informou hoje (050 que o governador Wellington Dias entregou obras de pavimentação poliédrica e asfáltica no município de Agricolândia. Ele disse que o Estado tem dificuldades financeiras, mas o governo consegue recursos junto à Caixa que, somados a recursos próprios, vão dando para realizar obras nos municípios. Ele aproveitou para informar que naquele momento estava sendo assinado contrato de Parceria Público Privada no Palácio de Karnak, para viabilizar a Internet em pelo menos 100 municípios. Ele adiantou que até o próximo ano o Piauí terá pelo menos um curso superior em cada município.

 

 

Raimundo Cazé/Lindalva Miranda - Edição: Caio Bruno 


 



» Siga-nos no Twitter

Fonte: ALEPI  |  Edição: Da Redação

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade PUBLICIDADE
Publicidade FIEPI
Publicidade OZONTEC
Publicidade FSA
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)