Entrega de Comendas marca 300 anos de Oeiras

Publicada em 17 de Dezembro de 2017 às 13h37 Versão para impressão

O governador Wellington Dias participou neste sábado (16) das atividades alusivas ao tricentenário de Oeiras e fez a entrega da Comenda da Ordem Estadual Oeiras 300 anos a 32 personalidades e instituições que se destacam em prol do bem comum. A honraria tem concessão única em tempo e grau e o justo apreço que os piauienses tem por suas origens, registrando assim para as futuras gerações.
A inspiração da insígnia foi do historiador Fonseca Neto e traz na medalha a gravura do solar dos governadores do tempo de Oeiras capital e o brasão símbolo do Governo do Estado do Piauí, com fita nas cores da bandeira do município.
“O governador sempre animado com a história de Oeiras, que também é sua terra natal, foi entusiasta desse momento que é único, e acredito que nenhum de nós estará aqui no próximo centenário. Essa peça metálica é cheia de significado e resume todo o protagonismo do povo deste lugar, construindo seu destino nesse sertão e certamente enfrentando e contornando tantas dificuldades. Longe dos litorais que sempre foram mais dinâmicos e próximos as embarcações. Chegar aqui não foi fácil e deste a chegada que foi a pé ou no lombo de animais, percorrendo grandes distâncias, mas foi a terra escolhida para a construção desse agrupamento humano e da qual muito nos orgulhamos”, disse o historiador.
“Essa comemoração cabe à nossa geração, estamos ajudando a construir a história. Daqui a cem anos as pessoas vão ver essa foto e saber o que foi feito e como nós celebramos. Provavelmente vamos estimular que se comemorem os 350 e os 400 anos. Essa data não é importante apenas para Oeiras e para o Piauí, mas para o Brasil, pois foi a décima cidade brasileira e a décima sétima a ser reconhecida como município, sendo também parte importante para a independência do Brasil. Isso nos chama a responsabilidade para que, encorajados por esse homens e mulheres que construíram essa cidade, possamos também construir um futuro melhor para todos”, ressaltou Wellington Dias.
Na oportunidade o chefe do executivo estadual realizou o descerramento o da placa de nomeação da Rua Oeiras de Portugal, uma retribuição ao Governo Português que nomeou uma de suas ruas como Oeiras do Piauí, devido às ligações na época do Brasil Império e assinou decreto que cria o grupo de trabalho para as comemorações do Aniversário de 200 anos de adesão do Piauí à Independência do Brasil.
As atividades comemorativas aos 300 anos terão continuidade nos próximos dias 25 e 26 de dezembro que será marcada por show na Praça de Eventos, show pirotécnico, Concerto de Sinos das Igrejas – Catedral de Nossa Senhora da Vitória, Nossa Senhora do Rosário, Nossa Senhora da Conceição e Sagrada Família, inauguração da reforma e ampliação da Sede da Secretaria Municipal de Saúde, inauguração da Praça do Conjunto Parque e da Nova Museografia do Museu de Arte Sacra de Oeiras e lançamento de livros.
Ordem Estadual Oeiras 300 Anos
1. Ademar Seabra da Cruz Júnior
Cônsul-Geral Adjunto do Brasil em Toronto, no Canadá. Possui graduação em Curso de Preparação à Carreira de Diplomata pelo Instituto Rio Branco. Mais recentemente, Tem se dedicado ao estudo da globalização econômica, particularmente do papel da inovação, do conhecimento e do desenvolvimento tecnológico na competitividade dos países.
2. Antônio de Almendra Freitas Neto
Governador do Estado do Piauí no período de 15 de março de 1991 a 02 de abril de 1994. Começou a carreira política como Deputado Estadual. Foi Deputado Federal, Prefeito de Teresina, Senador da República e Ministro de Estado Extraordinário da Reforma Institucional. Economista, formado pela Universidade Mackenzie. Atualmente, é o Diretor de Assuntos Econômicos do Sistema FIEPI.
3. Antônio Fonseca dos Santos Neto
Criador intelectual da Ordem Estadual Oeiras 300 Anos. Dedicado estudioso da História do Piauí. Possui Doutorado em Políticas Públicas. Professor e Chefe do Departamento de História da Universidade Federal do Piauí. Imortal da Academia Piauiense de Letras. Membro do Conselho Estadual de Educação do Piauí. É o atual presidente do Instituto Histórico e Geográfico Piauiense.
4. Antônio José de Moraes Souza Filho
Governador do Estado do Piauí no período de 04 de abril de 2014 a 1º. de janeiro de 2015. Iniciou sua carreira profissional como empresário e industrial. Teve dois mandatos como Deputado Estadual. Preside a Federação das Indústrias do Estado do Piauí.
5. Dom Augusto Alves da Rocha
Bispo Emérito de Floriano. Formou-se em Filosofia e Teologia pela Universidade Gregoriana de Roma, onde foi ordenado padre. Foi Bispo da Diocese de Picos e da Diocese de Oeiras-Floriano. Foi o primeiro Bispo da Diocese de Floriano.
6. Bandolins de Oeiras
O tremular dos dedos nas cordas do instrumento emociona a todos e enche o peito dos piauienses de orgulho. Em 2005, as senhoras do grupo foram homenageadas com a insígnia da Ordem do Mérito Cultural, pelo então presidente Lula. Da formação inicial, aos Bandolins Mirins, a chama se mantém acessa, buscando assegurar a tradição.
7. Benedito de Carvalho Sá
Médico, Pós-Graduado em Neurologia. Professor Titular da Universidade Federal do Piauí. Foi Prefeito Municipal de Oeiras por dois mandatos e Deputado Federal por cinco mandatos consecutivos. B. Sá exerce hoje o cargo de Coordenador de Fomento à Irrigação do Estado do Piauí.
8. Bessah Araújo Costa Reis Sá
Deputado Estadual. É graduado em Direito pelo Centro Universitário de Brasília.
9. Celina Vieira Martins
A história dos Bandolins de Oeiras está ligada à Dona Celina. Mulher de espírito forte, dotada de uma inteligência privilegiada e de grande generosidade, engajada no desenvolvimento da educação e da cultura musical piauiense.
10. Congos de Oeiras
Representado por Flávio Antônio Mendes da Silva. A dança chegou ao Piauí no início da colonização do Estado, trazida pelos negros que acompanhavam o primeiro governador da província. É originária do Congo. A dança é uma louvação a Nossa Senhora do Rosário e a São Benedito. A tradição e devoção são preservadas pelos moradores do Bairro Rosário, de Oeiras.
11. Dom Edilson Soares Nobre
Bispo de Diocese de Oeiras. O presbiterado foi-lhe conferido na Catedral de Natal. É referencial para a Pastoral da Comunicação no Regional Nordeste 4, composto pela Arquidiocese de Teresina e demais Dioceses do Piauí.
12. Francisco de Assis Carvalho Gonçalves
Oeirense. Deputado Federal já no segundo mandato. Como gestor público, foi Secretário de Estado de Saúde, Presidente da Agespisa e Diretor Geral do Detran. Foi Deputado Estadual.
13. Fundação Dom Edilberto Dinkerborg
Representada pelo Padre João de Deus de Carvalho Leal. Sem fins lucrativos, a entidade foi criada em 1998, com o objetivo de agrupar todas as atividades sociais empreendidas pela Igreja Católica na região de Oeiras. Entre as atividades permanentes da fundação, está a manutenção de sete escolas de Família Agrícola.
14. Guilherme Cavalcante de Melo
Governador do Estado do Piauí no período de 02 de abril de 1994 a 1º. de janeiro de 1995. Foi Deputado Estadual Constituinte. Deputado Federal e Vice-Governador do Estado.
15. Hélio Isaias da Silva
Deputado Estadual licenciado para exercer o cargo de Secretário de Estado da Defesa Civil. É formado em Fisioterapia, com Especializações em Ortopedia e Traumatologia e em Fisioterapia Respiratória.
16. Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN
Representado pelo Superintendente do IPHAN no Piauí, Fábio Ferreira. É uma autarquia federal vinculado ao Ministério da Cultura que responde pela preservação do Patrimônio Cultural. O conjunto urbano de Oeiras, composto por 14 quarteirões com 235 imóveis, é tombado e protegido pelo IPHAN, assegurando sua permanência e usufruto para as gerações presentes e futuras.
17. Instituto Histórico de Oeiras
Representado pelo presidente Júnior Viana. Foi fundado em 06 de janeiro de 1972, por intelectuais oeirenses na garantia da luta pela preservação das tradições seculares e do acervo patrimonial da Primeira Capital. Ao longo de mais de quatro décadas, permanece ativa em defesa dos seus propósitos.
18. José Alberto Pinheiro de Araújo
Presidente da Câmara Municipal de Oeiras. Vereador já no seu quinto mandato. É formado em Odontologia, com Especialização em Endodontia.
19. José Nogueira Tapety Júnior
Médico com especialidades em Pediatria, Administração Hospitalar e Saúde Pública. Foi Secretário de Estado de Saúde e presidiu a FUNASA. Foi Deputado Federal.
20. José Raimundo de Sá Lopes
Prefeito Municipal de Oeiras. Desde muito jovem tornou-se entusiasta da política em seu município. É formado em Engenharia Agronômica.
21. Juarez Piauhyense de Freitas Tapety
Antes do início da vida pública, foi advogado. Exerceu mandatos de Vereador e Prefeito de Oeiras. Deputado Estadual por seis mandatos. Foi Secretário de Justiça, de Segurança Pública e de Governo do Piauí.
22. Dom Juarez Sousa da Silva
Bispo da Diocese de Parnaíba. É natural de Barras. Sua Ordenação Episcopal foi Oeiras, de onde foi Bispo. Tem Mestrado em História Eclesiástica pela Universidade Gregoriana de Roma.
23. Lili Doces
Representada por José Raimundo de Sá Lopes. Fundada há 26 anos, hoje conta com mais de 40 produtos, sendo a maior produtora de cajuína do Piauí, gerando mais de 80 empregos diretos e indiretos e lavando o nome do Piauí para o Brasil e para o mundo.
24. Luciano Nunes Santos
Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, de onde foi presidente e é, atualmente, Controlador. Foi Deputado Estadual por três mandatos. Presidiu a Assembleia Legislativa.
25. Luciano Nunes Santos Filho
Deputado Estadual. Cumpre seu quarto mandato. Entrou para a politica em 2002, com apenas 24 anos. É o Presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais – UNALE. Foi Secretário Municipal de Administração e de Governo da Prefeitura de Teresina. Também presidiu a Fundação Municipal de Saúde.
26. Mauro Expedito Reis de Freitas Tapety
Oeirense. Deputado Estadual, no seu quinto mandato. Presidiu o Oeiras Esporte Clube.
27. Moisés Ângelo de Moura Reis
Foi Deputado Estadual. É Pós Graduado em Direito e Processo Tributário e Mestre em Direito Internacional, Econômico e Tributário. Advogado e consultor de empresas. Foi Secretário de Estado da Fazenda.
28. O. G. Rêgo de Carvalho – “Post Mortem”
Representado pela viúva Divaneide Carvalho. Escritor romancista, nascido em Oeiras em 1930. Ocupava a cadeira número seis da Academia Piauiense de Letras. Doutor “Honoris Causa” da Universidade Federal do Piauí. Sua obra mais marcante é “Rio Subterrâneo”. Faleceu aos 83 anos.
29. Possidônio Nunes de Queiroz – “Post Mortem”
Representado pelo filho Francisco de Assis Ribeiro de Queiroz. Nasceu em 1904. Era negro e filho de agricultor. Encantado com a música, se destacou na cultural piauiense. Foi professor de Português, Matemática e História. Foi sócio fundador do Instituto Histórico de Oeiras. Morreu aos 91 anos de idade.
30. Primeira Igreja Batista de Oeiras
Representada pelo Pastor Marcílio Barros. Foi fundada em 1947, com a evangelização protestante. Com mais trezentos membros e congregados, desenvolve o projeto social Casa Batista da Criança, no bairro Rosário, atendendo cerca de sessenta crianças, lhes proporcionando uma melhor qualidade de vida.
31. Themístocles de Sampaio Pereira Filho
Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Piauí. Iniciou a vida política como Vereador de Teresina. Em 986, assumiu o seu primeiro mandato como Deputado Estadual, sendo reeleito sucessivamente.
32. Wilson Nunes Martins
Governador do Estado do Piauí no período de 1º. de abril de 2010 a 04 de abril de 2014. Nasceu no Povoado Estreito, Oeiras, hoje Santa Cruz do Piauí. É Médico com Especialização em Neurologia. Presidiu a Fundação Municipal de Saúde de Teresina e Secretário de Estado do Desenvolvimento Rural. Também presidiu a Associação Piauiense de Medicina.
Autoria: Tamyres Rebeca

» Siga-nos no Twitter


Fonte: globo  |  Edição: Claudete Miranda

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade OZONTEC
Publicidade PUBLICIDADE
Publicidade FIEPI
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade FSA