Erivan Lopes toma posse como presidente do Tribunal de Justiça do Piauí.

Publicada em 01 de Junho de 2018 às 13h32 Versão para impressão

O desembargador Erivan Lopes tomou posse nesta sexta-feira (1º) como presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, para mandato-tampão de sete meses. Ele já estava à frente do TJ há dois anos e a eleição chegou a ser alvo de ação, mas o Supremo Tribunal Federal garantiu a posse.

» Siga-nos no Twitter

Durante coletiva de imprensa antes da solenidade, o presidente informou que manterá a mesma equipe e que mesmo com pouco tempo de mandato restante, poderá concluir projetos já iniciados.

“Vamos implementar o selo digital, que vai substituir o selo físico em atos de cartório, também pretendemos concluir o concurso de notários e registradores e fazer o provimento de todos os cartórios, assim que pudermos homologar o concurso”, informou.




O concurso foi alvo de mandado de segurança por parte de candidatos, que questionaram a contagem de pontos de títulos. O presidente disse ainda que uma das conquistas durante os dois anos de seu mandato foi a agilidade no julgamento de processos.

“Entre 2015 e 2016 o nosso tribunal era o de menor eficiência e ganhamos seis posições. Quanto ao ano de 2017, acreditamos que entre os tribunais de pequeno porte, estaremos entre os mais eficientes. Nós conseguimos julgar 10% a mais do total de processos que entraram”, disse Erivan.

Erivan Lopes esteve à frente do poder judiciário estadual no biênio 2017-2018 e deve permanecer até o dia 6 de janeiro. Em outubro está prevista nova eleição para o presidente, que deve ocupar o cargo para o biênio 2019/2020.

Fonte: globo  |  Edição: Claudete Miranda

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade FSA
Publicidade PUBLICIDADE
Publicidade OZONTEC
Publicidade FIEPI