Você está navegando por: Notícias Piauí
Assine o nosso Feed de Piauí

Greve do INSS chega ao segundo dia e atinge 32 agências em todo o Piauí.

Publicada em 08 de Julho de 2015 às 12h41 Versão para impressão

 A greve dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) chegou ao segundo dia nesta quarta-feira (8). O movimento foi deflagrado em nível nacional na terça-feira e no Piauí, o sindicato que representa os servidores e a superintendência do órgão divergem sobre os efeitos do movimento nas 32 agências situadas no estado.

» Siga-nos no Twitter



De acordo com Antônio Machado, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social no Estado do Piauí (Sintsprev-PI), todas as agências do estado estão paradas, realizando apenas serviços estritamente necessários como pagamentos e perícias já agendadas.
Segundo ele, até agora cerca de 80% dos servidores do órgão paralisaram as atividades em todo o estado. A maior parte dos que cruzaram os braços é composta por técnicos e analistas. Ainda de acordo com o presidente do Sintsprev, alguns peritos também dão apoio ao movimento.
"Todas as agências do Piauí estão paradas e ainda vamos intensificar o movimento no estado. Ontem já houve uma reunião com o Ministério do Planejamento e ficou marcado um outro encontro para o dia 21. Antes disso não há nenhuma previsão do movimento acabar", falou Antônio Machado.
Já o superintende do INSS no Piauí, Carlos Augusto Viana, disse que a maioria das agências está funcionando normalmente, principalmente as do interior do estado onde, segundo ele, a greve ainda ganhou vigor. Augusto disse que todas os serviços agendados estão sendo realizados normalmente.
Segundo ele, em média são realizados por dia 3.500 atendimentos nas agências de todo o estado e mesmo assim ainda foram realizados 2.500 no primeiro dia de greve. O número é contestado pelo sindicato, que diz terem acontecido no máximo 500 atendimentos no primeiro dia do movimento grevista.
"Estamos tentando manter os serviços. Em Parnaíba, segunda maior agência do Piauí e a maior do interior, está tudo funcionando normal", falou o superintendente. Das 32 agências do estado, seis estão situadas em Teresina.
Reinvindicações
Os servidores do INSS cobram reposição de perdas salariais, incorporação de gratificações, implementação de carreira, política salarial, redução da jornada para 30 horas semanais e realização de concurso público. No Piauí, o sindicato diz que são necessários pelo menos 300 novos servidores para o órgão.
Fonte: globo  |  Edição: Da Redação

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade FIEPI
Publicidade PUBLICIDADE
Publicidade OZONTEC
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade FSA