Você está navegando por: Notícias Piauí
Assine o nosso Feed de Piauí

Ministério Público do Piauí cobra ação do estado no combate a queimadas.

Publicada em 11 de Setembro de 2017 às 23h20 Versão para impressão

O Ministério Público do Piauí (MP-PI) promoveu uma reunião para tratar das queimadas no estado. A Defesa Civil e a Associação Piauiense de Municípios (APPM) não enviaram representantes. O evento foi organizado pelo Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente do Ministério Público do Piauí. A preocupação é com as queimadas durante o período mais quente do ano.

» Siga-nos no Twitter

No ano passado, durante o mês de Outubro, o Piauí chegou a registrar 261 focos de incêndio em 48 horas, segundo dados do monitoramento por satélite do Programa de Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). “O momento é crítico. A situação é grave e precisa que as secretarias tomem conhecimento de que uma reunião desse porte é obrigatória a presença”, disse a promotora de justiça da União, Diane Vieira de Carvalho.
A promotora reclamou das ausências da Defesa Civil e da APPM. “O Ministério Público convidou em um primeiro momento, mas em um segundo momento serão convocados. Quem não comparecer as medidas legais serão adotadas, porque a situação requer muito cuidado”, comentou a promotora acrescentando que em outros encontros a presença dos órgãos será exigida.
TERESINA
Fonte: globo  |  Edição: Claudete Miranda

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade FSA
Publicidade FIEPI
Publicidade PUBLICIDADE
Publicidade OZONTEC