Piaui em Pauta

-
-
Motoristas de ônibus de turism

Motoristas de ônibus de turismo realizam ato em Teresina e pedem pagamento de auxílio.

Publicada em 22 de Março de 2021 às 08h50


Donos e motoristas de ônibus de turismo estão realizando na manhã dessa segunda-feira (22) uma manifestação na cidade de Teresina, onde pedem o pagamento de auxílio emergencial para a categoria que tem sido afetada pela pandemia do novo coronavírus. O Piauí possui cerca de 4.500 trabalhadores no setor.

» Siga-nos no Twitter

Por volta das 4h da madrugada dessa segunda-feira, cerca de 100 donos e motoristas de ônibus de turismo começaram se concentrar no Conjunto Uruguai, na Avenida Zequinha Freire, em direção à Avenida João XXIII. Por volta das 7h, os trabalhadores iniciaram a manifestação e começaram a circular pelas principais ruas de Teresina em forma de protesto.

Os donos e motoristas de ônibus afirmam que, com a pandemia do novo coronavírus, não estão conseguindo trabalhar e isso está gerando dificuldades financeiras. Eles querem dialogar com o Governo do Piauí sobre a concessão de um auxílio emergencial, assim como o governo informou que vai conceder no valor R$ 1 mil para os funcionários do setor de bares, restaurantes e eventos.

Eles afirmam que estão sofrendo os mesmos prejuízos desses setores que estão sendo beneficiados, principalmente com a aplicação de decretos que restringem a circulação de pessoas.

Auxílio concedido pelo Governo do Piauí
O Governo do Piauí vai pagar um auxílio de R$ 1 mil para funcionários do setor de bares, restaurantes e eventos, devido aos impactos negativos da pandemia do coronavírus.


O governo estadual também anunciou outras medidas para diminuir os impactos econômicos: novo Refis para débitos de ICMS e IPVA com redução de juros, multas e parcelamento maior; governo solicitou ao Simples Nacional a prorrogação de 90 dias do pagamento dos impostos de março, abril e maio; nova linha de financiamento da Agência de Fomento do Piauí de até R$ 50 milhões para micro e pequenos empreendedores com maior agilidade e taxas reduzidas.

A proposta ainda será votada pela Assembleia Legislativa do Estado do Piauí e depois precisa ser sancionada para entrar em vigor.

Auxílio do Governo Federal
O governo federal enviou ao Congresso Nacional, no dia 18 e março, a medida provisória com as regras para o pagamento da nova rodada do auxílio emergencial.

A MP é assinada pelo presidente Jair Bolsonaro e, segundo o governo, permitirá que 45,6 milhões de famílias sejam contempladas na nova rodada do auxílio. O valor de cada parcela vai variar de R$ 150 a R$ 375, de acordo com a composição de cada família.

Medidas restritivas
O governador Wellington Dias (PT) informou que nessa semana o Estado do Piauí vai seguir com as medidas restritivas que foram implementadas na semana passada, com o objetivo de diminuir a disseminação do novo coronavírus e a taxa de ocupação dos hospitais que está superior a 90%.

De acordo com o Governo do Piauí, as medidas valem a partir de segunda-feira (22) até às 5h da segunda-feira seguinte (29). O comércio poderá funcionar até às 17h e os shoppings centers no horário de 12h a 20h. Bares, restaurantes, trailers, lanchonetes, barracas de praia e estabelecimentos similares, bem como lojas de conveniência e depósitos de bebidas, só poderão funcionar até às 20h

De segunda-feira (22) até as 5h da segunda-feira seguinte (29), está proibida, a partir das 21h, a circulação de pessoas em espaços e vias públicas, ou em espaços e vias privadas equiparadas a vias públicas, ressalvados os deslocamentos de extrema necessidade.


Tags: Motoristas de ônibus - Donos e motoristas

Fonte: globo  |  Publicado por: Da Redação
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade FSA
Publicidade CORONAVIRUS
Publicidade CORONAVIRUS - OZONT
Publicidade FIEPI