Você está navegando por: Notícias Saúde
Assine o nosso Feed de Saúde

Governo lança novo plano de combate ao uso do crack no Brasil

Publicada em 07 de Dezembro de 2011 às 13h47 Versão para impressão

A presidente Dilma Rousseff lançou nesta quarta-feira (7), em cerimônia no Palácio do Planalto, um novo plano de combate ao uso do crack no Brasil. O plano Crack, É Possível Vencer! terá investimentos de R$ 4 bilhões em atuação conjunta do governo federal, Estados e municípios.

» Siga-nos no Twitter

O novo programa vai complementar as ações do Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack, lançado no ano passado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Entre as ações previstas para a área de saúde está a criação de enfermarias especializadas nos hospitais do SUS (Sistema Único de Saúde), com investimentos de R$ 670,6 milhões para a criação de 2.462 leitos destinados ao tratamento de usuários de droga.

A luta contra o crack foi uma das principais bandeiras de campanha de Dilma em 2010, quando ela concorreu à Presidência. Durante o lançamento do plano, ela deu um recado aos pais e mães de dependentes da droga.

- Quero dizer que nós todos temos que fazer da dor deles a nossa e, ao fazer isso, ter clareza de que vamos fazer tudo que estiver ao nosso alcance para a recuperação desses filhos e filhas.

Plano inclui mudança de legislação

O Ministério da Justiça ficará com as áreas de autoridade e prevenção, adotando políticas de segurança publica e educação, capacitação e mudanças da legislação.

De acordo com o ministro da Justiça, Jose Eduardo Cardozo, esse é um grande desafio.

- O crack é um grande desafio, mas vamos derrotá-los porque temos condição para isso.

As principais ações estão divididas em três eixos: o combate às cracolândias, as organizações criminosas, e a mudança na legislação.

Participaram do lançamento os ministros Alexandre Padilha (Saúde), José Eduardo Cardozo (Justiça), Gleisi Hoffmann (Casa Civil), o vice-presidente Michel Temer e os presidentes da Câmara, Marco Maia, e do Senado, José Sarney.

Fonte: R7  |  Edição: Piauí em Pauta

Veja também

Comentários (0)

  • Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro.

Comentário

Comente

adsense
Publicidade Assembléia Legislativa (ALEPI)
Publicidade PUBLICIDADE
Publicidade FSA
Publicidade FIEPI
Publicidade OZONTEC